Ter uma área de lazer com piscina em sua residência deixou de ser um luxo faz muito tempo. Atualmente é legal ter um local para conseguir relaxar e encontrar colegas e pessoas da família. Uma área gourmet é, diversas vezes, um lugar de fuga dos problemas. Por isso, é muito significativo que seja um lugar confortável, que te traga tranquilidade e não mais problemas.

Examine sua área de lazer antes de decidir o que fazer

area-de-lazer Não é necessário um lugar grande para criar uma área de lazer bonita. Você deve pensar e observar o tamanho acessível em sua casa para fazer uma área de lazer pequena e confortável. Posteriormente, deve definir o objetivo da sua área de lazer pequena e selecionar os objetos que vai gostar de possuir nela.
São inúmeras as alternativas para áreas de lazer pequenas. Você pode escolher por colocar uma mesa de sinuca e um fogão à lenha, para juntar a família, ou uma piscina e um quintal. Pode, ainda, juntar tudo, tendo a cautela de não poluir demasiadamente o espaço, uma vez que sua área de lazer é pequena.
A área de lazer não precisa de espaço muito amplo para fixar itens de entretenimento que auxiliam a descansar e a realizar confraternizações com amigos e familiares. Uma área de lazer pequena é capaz de ser feita da mesma maneira que um apartamento, utilizando métodos de aprimoramento e extensão dos elementos.
A área de lazer pequena, apesar do tamanho, tem que dar aconchego e serenidade. Concomitantemente, necessita ter seu espaço bem instalado. Em razão disso, é preciso ter um excelente programa que una todas essas propriedades a fim de que se tenha um excelente resultado!
A primeira etapa é verificar a área acessível do terreno e decidir qual o uso de lazer será dado a ela. Entre as várias opções, a composição da área de lazer pequena pode ser diferente. Pode-se conter todos os materiais (piscina, churrasqueira, brinquedoteca, entre outros), contanto que o lugar seja anteriormente avaliado.
Ao contrário, a ideia também é adicionar somente uma destas funções para que a preservação e a montagem sejam mais velozes e simples. Afinal, uma área de lazer pequena pede cuidado e praticidade. Juntar tudo pode agredir outros requisitos como a movimentação e o rendimento.

Área de lazer com piscina

area-de-lazer-com-piscina Se você já planeja uma casa com piscina, porém ela é pequena, há projetos capazes de vencer a ausência de espaço e propiciar a concretizar o seu sonho. Dependendo do seu terreno, uma pequena cobertura forma uma área para churrasqueira, e um deck de madeira pode oferecer ingresso para uma pequena piscina. Apesar de pouco espaço, um planejamento bem executado é capaz de adequar o ambiente disponível e transformar o espaço em uma área de lazer pequena e com piscina.

Área de lazer com piscina em apartamentos

Em apartamentos, o jeito é instalar uma piscina erguida, já que não tem como perfurar o chão. Lembre-se de colocar um especialista para guiar e conferir todo o trabalho durante essa etapa e apurar se é, realmente, possível colocar o peso extra.

Área de lazer pequena com hidromassagem

Para quem encontra-se entusiasmado em dar prosseguimento a um planejamento de uma área lazer pequena e com banheira de hidro, pense em um desenho que tenha pergolado coberto com um sofá de canto confortável e luz de parede. Para a área da hidromassagem, aposte num deck de madeira como base e a hidro centralizada. Isso valorizará todo o projeto e deixará o ambiente de lazer bem mais calmante.

Como possuir uma churrasqueira numa área de lazer pequena

area-de-lazer-com-churrasqueira Quem não ama fazer um incrível churrasco? Para comemorar com todos os membros da família e com a galera, possuir uma churrasqueira em sua residência é uma boa opção. No entanto, se o inconveniente é espaço, áreas de lazer pequenas podem abranger inúmeros elementos, incluindo uma churrasqueira. É possível pôr uma churrasqueira em diferentes ambientes, até mesmo em varandas de apartamentos, jardins e terraços pequeninos. Esses locais, inicialmente, parecem não poder acondicionar tal função. Mas não se iluda!
Por conta da verticalização urbana, e, em outros casos, pela disponibilidade de terrenos cada hora mais pequenos, a tão sonhada área externa pode não ter as dimensões almejadas. Em função disso, minimizar o lugar a ser usado é o essencial, de todo jeito, para sua área de lazer pequena.
Tudo o que você necessita é de excelentes profissionais, capazes de transformar qualquer espaço numa área de lazer, que, mesmo pequena, seja adaptável e funcional.
A área de lazer pequena pode ser barata e decorada criativamente, dando até sensação de amplitude ao lugar. Simples ou requintada, rústica ou contemporânea, o que importa é desfrutar do máximo de aconchego e comodidade!

Observe algumas dicas de estilos de churrasqueiras para área de lazer pequena:

As churrasqueiras em tijolinho aparente são um clássico, e, por consequência, sempre podem ser utilizadas em qualquer casa.
Uma área de churrasco em estilo rústico combina com recintos pequenos, o resultado é muito confortável.
Piso simples e um mobiliário atual são ideias legais para transformar sua área de lazer pequena com churrasqueira.
Revestida de madeira, a churrasqueira fica bem mais simpática e o pequeno quintal ganha cara nova.
A bancada separa os locais e torna a área de churrasco mais sociável e perfeita para receber a galera.
A fusão entre acabamentos contemporâneos e mobiliário descontraído fica excelente em uma área de lazer pequena com churrasqueira.
A churrasqueira fixa ao teto vai muito bem em áreas de lazer pequenas.
Madeira, enfeite indígena e luminária de fibras proporcionam à área de lazer uma atmosfera tropical
Cabe até um forno de pizza em uma área de lazer pequena com churrasqueira desde que seja bem feita.

Basta as temperaturas aumentarem para elas despontarem com seus incômodos zumbidos e picadas que incomodam. Por certo pretexto você parece ser um alvo para esses insetos e, muitas vezes, se vê desperto, cheio de picadas? Como eliminar moscas? Está na hora de descobrir maneiras simples de se livrar deles.

1. Dar uma aparada no gramado

Aparar a grama é uma fantástica forma de ajudar a afastar mosquitos. Ao longo do dia, a vegetação, com a grama vasta e as plantas, é um ótimo lugar para os mosquitos repousarem e sobreviverem a elevadas temperaturas. Em razão disso, ótima ideia é manter seu jardim com a grama baixa até ao redor de três polegadas de altura e preservar plantas e arbustos cortados e conservados arrumados.

2. Invista em um bom ventilador

prevenir-mosquitos-casa

No decorrer do verão, não existe nada melhor do que se resfriar com um ventilador. Mas você tinha ideia que essas maravilhosas invenções também são capazes de ajudar a repelir mosquitinhos? Os mosquitos são bem sensíveis. Assim, os ventiladores de teto, tal como os ventiladores de mesa de torre podem auxiliar a afastar mosquitos, tornando bem complicado para eles pairarem, forçando-os a sair da sala.

3. Elimine a água parada

A água parada vista em baldes, calhas, pneus, etc. fornecem aos mosquitinhos um ambiente impecável para depositar seus ovos. Logo, para ajudar a tornar sua residência e seu quintal menos envolventes para esses insetos, você deve eliminar toda água parada que seja capaz de achar-se dentro da sua residência e ao redor do seu jardim.

4. Resguarde sua piscina

Você provavelmente está imaginando que, se a água parada seduz mosquitos, e no que se refere a piscinas? Bem, você está certo! As piscinas provêem para os mosquitos outra chance de botar os ovos. Fortuitamente, existe algo que você pode realizar com o objetivo de evitar que sua piscina se transforme em uma maternidade para mosquitos. Na realidade, os mosquitinhos não são grandes adeptos de pôr os ovos em águas que encontram-se em constante movimentação, então a implantação de um chafariz, ou de certo tipo de agitador de água ajudará a evitar que isso se suceda.

5. E a água do seu animal de estimação?

Resultado de imagem para how to get rid of fliesQual é a outra fonte de água para os mosquitos colocarem seus ovos ao redor de sua casa e jardim? Tigelas de água para seus animais de estimação! Todos nós amamos nossos bichinhos, e é crucial resguardar que sempre tenham água disponível para ingerir quando encontram-se com sede, mas isso também é capaz de chamar mosquitinhos. Não tenha dúvida, substitua de tempos em tempos a água do seu animal doméstico.

6. Como deixar o ar circular pela casa e evitar insetos concomitantemente?

Quando está bastante quente do lado de fora, manter as portas e as janelas abertas é uma boa forma de garantir ar fresco dentro da sua moradia. O inconveniente é que este é um convite para que os mosquitos entrem e comecem a incomodar. Uma esplêndida opção é colocar telas nas portas e janelas, que são capazes de propiciar a obstruir os pontos de entrada mais fáceis para os mosquitos, além de admitir que você conserve uma boa corrente de ar dentro de casa.

Essas sugestões simples podem auxiliar a se distanciar dos mosquitos em sua moradia. No entanto, é essencial saber que essas não são alternativas infalíveis. A forma mais aconselhada de conservar sua residência 100% segura destes insetos é pedir ajuda de um especialista em acabar com insetos.

Uma excelente maneira de repousar é no banho, e já se imaginou em um banho de banheira spa? Difícil não descansar, não é mesmo? Entretanto se você ainda possui o velho conceito de que banheira é para banheiros luxuosos, está bastante enganado! Existem tipos de banheiras para todos os tipos de projetos, preferências e classe social. É óbvio que a hidromassagem sempre dá aquela valorizada no local! Então, se você quer relaxar em um banho de hidromassagem, é necessário estabelecer qual o melhor modelo de banheira para a sua casa, e para esse fim, separamos sugestões e modelos que vão te levar à escolha certa!

 

 

Banheira Spa X Piscina

considerando-em-comprar-banheira-de-hidromassagem De uns tempos para cá, a percepção de lazer vem pondo o relaxamento em evidência. As áreas gourmet adquiriram banheiras Spas de hidromassagem externa em vez da piscina.
Mais em conta, aconchegante e mais usada, a banheira Spa tem ganhado a preferência dos arquitetos.
A manutenção é baixa, você acaba utilizando mais. Aquece bem mais ligeiro, o que a torna simples e barata. A banheira spa acaba sendo utilizada não apenas nos fins de semana, como também no retorno do trabalho de segunda a sexta.
O aquecimento é um benefício importantíssimo. Você pode usar o aquecedor elétrico, a gás ou mesmo o aquecedor solar, como a quantidade d’água é bem menor do que a quantidade d’água da piscina, não gasta tanta energia e é fácil de aquecer, você não tem necessidade de deixar funcionando o dia todo.
As Banheiras Spas indicadas pelos arquitetos são de seis a nove pessoas. Para receber amigos e não ficar um lugar abarrotado.
Há também a probabilidade de fazer uma hidromassagem de alvenaria, com pastilhas e a compra em separado do dispositivo de alta pressão. Ainda assim, o arquiteto alerta para o conforto. O inconveniente é a ergonomia. Você não possui um banco ergonômico que te encaixa e não é tão confortável.
As pessoas têm investido mais na qualidade de vida e entretenimento dentro da própria casa. Um spa é um projeto que tem a hidromassagem como chamativo.
Dentro da faixa de R$ 13 até R$ 60 mil, o que difere são os acessórios, como frigobar, aquecimento, cascata e luminosidade. Assim que adquirida, a banheira é capaz de ser instalada em um dia. Só é necessário um ponto de elétrica, um quadro disjuntor, caso seja uma versão com aquecedor, e a parte hidráulica, de água e esgoto.

Manutenção e Limpeza da Banheira Spa

No que se refere à conservação, é crucial somente fazer a substituição do filtro. A filtragem, você consegue fazer em 40 minutos, adicionando um produto específico para limpeza. Sempre que vazia, a limpeza pode ser feita exclusivamente com sabão neutro.

Cuidados necessários com a sua banheira

O sistema das Banheiras de hidro pode ser danificado caso esteja funcionando sem água, o certo funcionamento depende da pressão da água na bomba.

De que jeito Usar uma Banheira de hidro com Segurança

Se o seu cabelo for comprido, amarre-o em um rabo de cavalo ou faça coques com a finalidade de evitar que ele se embarace no filtro ou ralo.
Constate se a banheira de hidromassagem está na temperatura apropriada, tendo em vista os indivíduos que a utilizarão. Crianças nunca devem adentrar em uma banheira de água quente caso a água esteja mais quente do que água de um banho usual (por volta de 35°C). Aos adultos, mantenha a temperatura da água menos que 50°C. Se a sua banheira não tiver um termômetro digital, adquira um termômetro flutuante para que você possa ficar de olho na temperatura.
Evite o emprego de bebidas alcoólicas ou drogas na hidromassagem. A água quente vai aumentar e irá acelerar os efeitos de tais substâncias. O álcool faz com que você tenha sono, e adormecer em uma banheira com água quente será muito perigoso. Sem contar o risco de afogamento, o corpo não consegue controlar bem a sua temperatura quando você está adormecendo, o que é capaz de levar a um sobreaquecimento perigoso.
Da mesma maneira, evite usar a banheira no momento em que se sentir bastante cansado, ou no mínimo tenha a companhia de alguma pessoa mais alerta para acordar caso você durma.
Conserve constantemente a banheira protegida se porventura não encontrar-se sendo utilizada. Isto vai economizar energia e, mais crucial, irá evitar que espécimes e criancinhas despenquem/subam na hidro. Isso ainda vai ajudar a prevenir que sujeira e resíduos sujem a água. Use uma cobertura de segurança para prevenir que crianças e convidados indesejados a utilizem quando você não achar-se próximo. Deixe sempre a cobertura livre de qualquer água empoçada.
Utilize frequentemente os serviços de um profissional para manter a hidro funcionando satisfatoriamente. Isso também pode auxiliar a evitar consertos mais onerosos no futuro.
Os componentes elétricos carecem de ser instalados por um profissional apto; assim, funcionarão plenamente. Jamais utilize o ofurô se você suspeitar de qualquer problema elétrico.
Jamais utilize aparelhos elétricos (incluindo telefones, rádios, televisores ou qualquer outro equipamento com fios elétricos) dentro ou perto da banheira de hidro. Caso você queira ter um destes objetos por perto, use um que opere à bateria e deixe-o por cima de uma mesa a uma distância de segurança da água. O mesmo aplica-se para todas as tomadas elétricas, de acordo com os manuais de instalação. Dispositivos com fios e tomadas elétricas expõe um risco iminente de eletrocussão cada vez que em contato com a água!
Mantenha toalhas secas próximas da banheira de hidromassagem para que as pessoas possam secar os pés na ocasião em que saírem.

 

Recomendação Fundamental

O melhor é jamais assentir que crianças com idade menor que 12 anos usem uma banheira Spa, em razão dos muitos riscos, inclusive o afogamento, inflamação bacteriana e danos cerebrais causados pelas altas temperaturas. Nunca deixe crianças dentro ou perto de uma banheira de hidromassagem sem o acompanhamento de um adulto e sempre vá a um médico antes de permitir que os seus filhos entrem nela.
Mulheres grávidas devem evitar submergir seus estômagos em uma banheira com água quente, porque a temperatura é muito elevada para o embrião. Ao invés disto, molhe só os pés e as pernas, ou consulte o seu médico.
Caso você tenha uma enfermidade cardíaca, hipertensão, ou diabetes, você deve verificar com o seu médico antes de utilizar uma banheira de hidromassagem.
Conserve os produtos químicos em um local limpo, seco e seguro. Estes produtos são fatais se ingeridos por crianças ou espécimes, devido a isso conserve-os em um lugar seguro e longe das crianças.
Tal como sucede ao utilizar piscinas, saia imediatamente e procure proteção em caso de relâmpagos.
Todos os que forem usar a banheira de hidromassagem têm que saber em que parte desligar, porque nunca se sabe no momento em que irá ser necessário.

limpar banheira e drenar

Queremos te contar um pequeno segredo: você não precisa de produtos feitos especialmente para limpar sua banheira de hidromassagem. Claro, pode parecer mais fácil parar em uma loja especializada e adquirir alguns para uso em sua piscina e spa com objetivo limpar sua banheira de água quente, mas você realmente não precisa.

A outra coisa é, talvez você prefira usar produtos de limpeza naturais e evitar ingredientes que possam ser tóxicos, especialmente se você tiver crianças curiosas ou animais de estimação em casa. Seja qual for o motivo, há uma boa chance de você já ter tudo o que precisa em casa para manter uma banheira limpa e saudável.

limpar banheira e drenar

 

Produtos domésticos que limparão sua banheira de hidromassagem

 

Conheça seus produtos de limpeza

 

Antes de discorrermos sobre os produtos domésticos comuns que você pode usar para limpar sua banheira de hidromassagem, vamos falar sobre os tipos de produtos de limpeza que você encontrará em seu armário de cozinha. Isso ajudará você a entender quais tipos de produtos de limpeza são melhores para determinados tipos de trabalho.

produtos limpeza hidro

Por exemplo, você não usaria alvejante para limpar uma superfície sensível mais do que você usaria azeite para limpar seu banheiro. Não vamos nem falar sobre o tipo de confusão que seria.

 

Saber por que esses produtos funcionam facilita a compreensão de quando e como usá-los.

 

  • Detergentes : Eles ajudam a remover manchas pegajosas, emulsionando os óleos que unem a sujeira à superfície. Exemplos convencionais incluem sabão em pó e sabão para lavar louça.
  • Ácidos : Esta classe de produtos quebra as manchas de ferrugem e água dura. Estes são o vaso sanitário, a telha e os limpadores de mofo.
  • Saneantes : Como o nome sugere, esses produtos desinfetam e removem manchas e odores. Estes são normalmente os produtos químicos mais severos, como o alvejante de cloro.
  • Bases : Esses produtos de limpeza removem sujeira, gordura e graxa. Comercialmente, estes se enquadram na categoria de produtos de limpeza para todos os fins.
  • Abrasivos : Você deve ter cuidado com isso, porque, como o nome sugere, os abrasivos podem arranhar qualquer superfície que você esteja limpando. A lã de aço e os pós abrasivos são exemplos comerciais comuns.

Então, o que você pode usar para realizar o trabalho, mas não danificar as superfícies da banheira?

 

Vinagre branco

Se você é consciencioso sobre a limpeza de sua máquina de café, você provavelmente uma garrafa de vinagre branco sentado em sua despensa agora. E se for esse o caso, você já sabe que o vinagre é um excelente agente de limpeza. Mas você já se perguntou como limpar uma banheira de hidromassagem com vinagre? É fácil.

Vinagre branco típico terá uma acidez de cerca de 2,5 pH, embora possa chegar a 4 pH. Isso significa que é forte o suficiente para dissolver bagunças sem os riscos de limpadores comerciais pesados. Por exemplo, é menos provável que danifique uma cobertura de banheira de vini.

O vinagre limpa cobrando as partículas de tudo o que você está limpando. Essas moléculas carregadas são então mais atraídas por cargas positivas e negativas nas moléculas de água, tornando a substância agressora mais fácil de remover.

Você pode usar vinagre para limpar todos os tipos de superfícies, mas é especialmente útil para remover linhas de espuma na sua concha de banheira de hidromassagem. Também é muito barato, então você economizará dinheiro usando vinagre em vez de um limpador de banheira quente específico.

 

O que você precisa

  • Vinagre branco
  • Pano de limpeza em microfibra ou esponja
  • Balde ou frasco de spray
  • Água morna
  • Instruções de limpeza

 

Se você está limpando a sua concha de banheira de hidro, drene sua banheira primeiro.

 

Misture uma solução de partes iguais de vinagre branco e água em um balde ou frasco de spray. Mexa ou mexa bem para ter certeza de que tudo está distribuído uniformemente.

Se você estiver usando um frasco de spray, pulverize seu reservatório de banheira de hidromassagem ou cubra completamente. Se você estiver usando um balde, despeje com cuidado a solução de água com vinagre sobre o que você deseja limpar.

Deixe a solução descansar por quinze minutos.

Limpe sua casca ou cubra com um pano ou esponja. Se você está lidando com manchas difíceis, você pode ter que repetir o processo.

Uma vez que sua casca ou tampa esteja limpa, lave-a completamente antes de encher sua banheira.

Você também pode usar vinagre para limpar seus filtros. Basta mergulhar seus filtros em uma solução de 50% de água e 50% de vinagre por duas horas. Tenha em mente que você pode precisar usar um limpador de filtro de banheira de hidromassagem se estiver realmente suja, ou substitua o filtro se estiver além da limpeza.

Se você está procurando outras maneiras de usar vinagre para limpar em casa, você pode se surpreender com quantos usos ele tem.

 

Azeite

Se você cozinha em casa, você provavelmente tem uma garrafa de azeite. Esse ingrediente comum de despensa também pode ser classificado como um detergente porque, como um óleo, trabalha para remover outros óleos que retêm a sujeira.

Digamos que você tenha uma mancha de seiva pegajosa na tampa ou no revestimento da banheira de hidromassagem. Não é algo que você possa esfregar ou limpar facilmente, porque a mancha está basicamente colada à superfície com um filme de óleo. Um detergente ou sabão ajuda a remover a mancha suspendendo a graxa que conecta a sujeira a qualquer superfície que você queira limpar.

Uma vez que você removeu a seiva, você pode usar um bom protetor de superfície para evitar que ele adira tão fortemente no futuro, poupando-lhe algum tempo e lubrificação.

Você provavelmente já viu sabão de azeite no corredor natural da mercearia ou em uma loja de produtos naturais. Isso porque o azeite é feito principalmente de triglicerídeos, que são as moléculas de armazenamento de gordura em plantas e animais. Triglicerídeos são um componente principal do sabão tradicional, então o azeite é uma alternativa verde para detergentes mais duros.

 

O que você precisa

  • Azeite de oliva
  • Pano de limpeza em microfibra ou esponja
  • Sabonete suave
  • Água morna

 

Instruções de limpeza

 

Se você está limpando a sua concha de banheira de hidromassagem, drene sua banheira primeiro.

Despeje um pouco de azeite em seu pano ou esponja. Esfregue suavemente a mancha com o pano até que ele se quebre.

Uma vez que a mancha se partiu, simplesmente limpe-a.

Lave sua concha de banheira de hidromassagem ou cubra com sabão neutro e água morna para remover qualquer resíduo oleoso.

Se você limpou o seu reservatório, enxágue sua banheira de hidromassagem completamente para evitar a formação de espuma quando você reabastecer.

 

Lixívia Diluída

Digamos que você tenha um caso de foliculite em suas mãos. Se é isso que você está enfrentando, você não precisa apenas limpar sua banheira. Você precisa limpar e higienizar .

Como o vinagre, o alvejante quebra as ligações das manchas. Mas tem o benefício adicional de matar bactérias. O alvejante forma uma variedade de produtos químicos quando adicionado à água , incluindo ácido hipocloroso e ânion hipoclorito . O ácido hipocloroso mata as bactérias, enquanto os aniões do hipoclorito interrompem os processos naturais de uma bactéria, tornando-a inofensiva.

Você também pode usar lixívia se você tiver manchas difíceis e linhas escumadas, o vinagre não aguenta. Alvejante destrói ligações cromóforas moleculares, que são o que dão as moléculas de cor, que é o que as manchas são.

Importante: se for usar água sanitária para limpar sua banheira de água quente, certifique-se de enxaguar bem a banheira antes e depois da limpeza e nunca misture água sanitária com qualquer coisa que não seja água. A mistura de água sanitária com vinagre ou outros produtos químicos de limpeza pode criar fumos altamente tóxicos que podem irritar seus olhos e pele ou até mesmo causar insuficiência respiratória.

 

O que você precisa

 

  • Alvejante
  • Esponja descartável ou panos
  • Balde ou frasco de spray
  • Luvas de borracha (segurança primeiro!)
  • Roupas que você não se importa de ficar manchado
  • Água morna

 

Instruções de limpeza

 

Escorra sua banheira de hidromassagem. Se você tentou limpar sua banheira com outra coisa que não seja água, certifique-se de enxaguar completamente essas áreas.

Usando luvas, misture partes iguais de água e alvejante em seu balde ou frasco de spray.

Se você estiver usando um frasco de spray, pulverize sua banheira com a mistura de água e alvejante. Com o balde, molhe cuidadosamente o interior da banheira com a solução. Tente evitar a criação de uma enorme poça de lixívia que você pode ter que intervir mais tarde.

Deixe a lixívia descansar por quinze minutos.

Esfregue sua banheira para baixo usando uma esponja descartável ou um pano macio.

Enxágue bem a sua banheira antes de reabastecer.

 

Bicarbonato de sódio

 

Se você está procurando um limpador versátil, não procure mais do que uma caixa humilde de bicarbonato de sódio. Misturado com água, cria um limpador de base, ou você pode usá-lo como um abrasivo leve. Então, se você tem uma teimosia particularmente difícil que simplesmente não vai embora, simplesmente adicione um pouco de bicarbonato de sódio à sua esponja e esfregue.

 

Verde simples

Se você realmente quer saber como limpar uma banheira de água quente sem produtos químicos, Existe produtos específicos no mercado, sendo que lojas  especializadas podem melhor orientá-lo, e isso pode estar mais perto de sua preferência. Não é livre de químicos – tudo é químico; alguns são apenas mais potentes ou tóxicos que outros. Mas alguns não são tóxicos e biodegradável.

Você pode usá-lo tanto para o interior quanto para o exterior da sua banheira de hidromassagem, embora você deva evitar aplicá-lo em camurça, couro e madeira inacabada. Sua melhor aposta é sempre testar uma área pequena e discreta ao tentar um novo limpador.

 

O que você precisa

 

  • Limpador multifuncional verde simples
  • Pano de limpeza em microfibra ou esponja
  • Balde ou frasco de spray (se você precisar diluir)
  • Água morna (se você precisar diluir)

 

Instruções de limpeza

 

Escorra sua banheira de hidromassagem.

Decida se você deseja usar um produto com força total direto da garrafa ou diluí-lo com base na sujeira da sua banheira de hidromassagem.

Para limpeza pesada, misture uma xícara de produto de limpeza para cada xícara de água.

A limpeza de uso geral usa uma onça de limpador para cada xícara de água.

Limpeza leve exige uma onça de líquido de limpeza para cada duas xícaras de água.

Diluir seu limpador também pode ajudar a economizar dinheiro, desde que isso não negue sua eficácia.

Se você está diluindo, misture a quantidade adequada em um balde ou frasco de spray.

Borrife sua banheira de hidromassagem ou despeje sobre a casca.

Deixe o pruduto ( indicado pela loja especializada, e de marca da sua preferência) Green funcionar por dois minutos.

Esfregue qualquer sujeira ou manchas com um pano macio ou esponja.

Enxaguar com água limpa. Isto é especialmente importante, porque este limpador pode causar espuma na banheira se você não enxaguar adequadamente, e então você terá uma bagunça ainda maior em suas mãos.

Repita os passos ou diminua a diluição se as manchas não estiverem saindo.

Além de limpar sua banheira de água quente, o bicarbonato de sódio é praticamente um milagreiro ao redor da casa, se você está procurando maneiras mais suaves de limpar.

 

Álcool

 

Usando este é realmente mais sobre a boa aparência do que sobre a limpeza, especialmente se você tiver cromo ou aço inoxidável na sua banheira de hidromassagem. Olhar fixamente para aparelhos sujos e carregados de impressões digitais pode envelhecer rapidamente. O álcool irá iluminá-los.

 

O que você precisa

 

  • Álcool de limpeza diluído (recomendamos pelo menos 90% de teor alcoólico)
  • Pano de limpeza em microfibra ou esponja

 

Instruções de limpeza

 

Drene a cuba e limpe a concha primeiro usando o método que você preferir, se as luminárias de metal estiverem sob a linha de água.

Adicione uma pequena quantidade de álcool ao seu pano macio ou esponja.

Esfregue as luminárias até elas ficarem bonitas e brilhantes.

Enxágue bem a sua banheira antes de recarregar.

Sua banheira quente não é a única coisa em torno de sua casa que tem luminárias brilhantes e outras superfícies que podem se beneficiar de alguns golpes de álcool.

 

Borracha Mágica

 

Sim, (na verdade, qualquer marca de esponja melamínica.) Também é uma maneira fácil de combater manchas, especialmente do lado de fora de sua banheira de hidromassagem.

A esponja é feita de um polímero de melamina, que é uma espuma abrasiva. Uma vez ativada pela água, ela pode remover a espuma, a graxa e a sujeira de sabão mesmo em pequenas fendas. Apenas molhe, torça e esfregue a sujeira. Claro, se você está enfrentando algo sob sua linha de água quente, certifique-se de drenar sua banheira e enxaguar bem após a limpeza.

 

Um ofurô mais limpo por menos

 

Isso pode significar um pouco mais de graxa de cotovelo para você, mas esses produtos domésticos podem economizar dinheiro enquanto ainda mantém sua banheira quente limpa. Mas uma vez que você saiba como limpar naturalmente uma banheira de hidromassagem, não há necessidade de uma viagem especial à loja de piscinas para obter suprimentos de limpeza, especialmente se você tiver uma despensa bem equipada ou um armário de limpeza.

Não só isso, mas você vai se sentir melhor sabendo que você não está adicionando ainda mais produtos químicos para sua banheira quente para mantê-lo limpo. Isso deixará sua mente à vontade antes do próximo banho relaxante.

Gostou deste artigo? você também pode se interessar em ver modelos de piscinas com hidro, acesse aqui!

Os inconvenientes que um cano de esgoto entupido causa são diversos, mas, um dos mais óbvios, é não poder utilizar o lavatório e um vaso sanitário. Além disso, pode haver na sua casa um cheiro bem desagradável, o que deixa a missão de desentupir cano de esgoto ainda mais urgente.

A forma mais prática de resolver é chamar uma empresa especialista em desentupimento, que tem toda a prática e as ferramentas necessárias para resolver o seu problema.

Porem em alguns casos, você mesmo pode resolver esse problema, por isso, elaboramos para você este artigo que tem o objetivo de ajudá-lo nessa missão.

Além disso, vamos mostrar para você o que NÃO fazer quando você resolver desentupir cano de esgoto.

Agora, sem mais delongas, vamos direto ao que interessa. Temos certeza que, ao final deste artigo, você estará apto para solucionar este empecilho. Tenha uma excelente leitura!

Três produtos para desentupir cano de esgoto – Saiba quais são

Bicarbonato de sódio + Vinagre

desentupir cano de esgoto

É isso mesmo! Esses 2 produtos são extremamente eficientes sempre que o tema é desentupir. Você acreditava que o bicarbonato servia somente para curar uma indigestão? É melhor mudar o seu conceito agora.
Remova toda a água acumulada em torno do entupimento. Após fazer isto, com apenas uma colher de bicarbonato e dois copos de água quente, jogue onde está o entupimento. Espere entre dez e quinze minutos. Feito isto, adicione um copo com vinagre e, em seguida, tampe o ralo.

 

A mescla entre o bicarbonato e o vinagre gera um produto efervescente que vai servir para desentupir. Logo que o som da efervescência tiver finalizado, coloque mais dois copos de água bem quente.

 

Detergente de louça doméstico

detergente para desentupir esgoto

Quem iria dizer que um item simples como esse iria resolver um problema gigante como o entupimento. Entretanto, é isso mesmo. O detergente caseiro de louça resolve o inconveniente em casos mais simples.

Afinal de contas, se o problema for ausência de manutenção, é só você retirar totalmente a água que há acumulada na área entupida e adicionar o detergente, com isso haverá um processo fervente entre a água e o detergente. O detergente consegue lidar bem com entupimento no caso de gordura acumulada.

Fio de arame

fio de arame

Quando um objeto é o causador da obstrução do cano, o entupimento do cano de esgoto não é tão sério como outros casos. Dessa forma um simples fio de arame pode resolver o problema. Pegue o fio de arame botando por cima da canalização e realize movimentos de “empurrar e puxar”. Movimente de forma que o produto que está entupindo o cano, saia do lugar.

 

O que NÃO fazer quando for desentupir cano de esgoto

Antes de darmos dicas para fazer o desentupimento de seus canos de esgoto, vamos começar falando acerca de certas coisas que precisam ser evitadas ao tentar resolver o inconveniente de obstrução de pias ou vasos sanitários.

Cuidado para não danificar o encanamento

O que temos que sempre recordar é que canos e tubulações são produzidos para suportar a ação climática e de alguns produtos, entretanto não são tão resistentes a ação humana, podendo tranquilamente quebrar caso sejam forçados ou batidos.

Principalmente quando a tubulação é mais antiga não enfie cabos de vassoura ou outros objetos duros que podem trincar ou quebrar o encanamento. Um cano rachado exige bem mais trabalho e grana para consertar do que um mero entupimento.

Nunca jogue substâncias químicas dentro do encanamento

Evite jogar produtos químicos no interior da tubulação. Qualquer coisa que é jogada no interior do sistema de encanamento vai parar na estação de tratamento e pode prejudicar a qualidade da água e ocasionar danos ao meio ambiente. Sem dizer que algumas substâncias químicas podem prejudicar, e muito, os canos e causar um vazamento.

Ainda que seja uma orientação muito comum em alguns sites da internet, também nunca utilize soda cáustica para resolver obstruções nos canos. A soda cáustica é uma substância bem forte que, quando não manipulada de maneira ideal, pode causar queimaduras nas mãos e danificar os olhos.

A soda cáustica pode também agravar o problema de obstrução, já que pode ocorrer o efeito de saponificação. Este efeito ocorre quando uma textura mais densa e condensada de sujeira acumula, e obstrui bem mais o encanamento e caixas de coleta.

Conclusão

E aí? O que você achou do nosso artigo? Esperamos que você tenha gostado e, com certeza, ele será muito útil para o seu dia a dia. Fique sempre de olho, pois colocaremos novos artigos para que você possa ter sua vida facilitada.

 

Você pode se interessar também por:

Como limpar azulejos de banheiros

Truques de limpeza na cozinha

 

Qual o melhor caminho para começar a prestação de contas de condomínios? Alem da honestidade e excelente convivência são imprescindíveis que você possa demonstrar a parte financeira  de forma transparente para que não haja problemas e desconfianças.

Elemento básico do processo de transparência, a prestação de contas do condomínio é obrigatório segundo artigo 1348 do Código Civil.
Fonte: https://www.jusbrasil.com.br/topicos/10644048/inciso-viii-do-artigo-1348-da-lei-n-10406-de-10-de-janeiro-de-2002

Faça aqui o download da:
Planilha de prestação de contas para síndicos.

É de responsabilidade do síndico organizar e esclarecer todas as contas de sua administração.

A única forma que existe para transferir essa responsabilidade de prestação de contas é a contratação de uma empresa que realiza serviços como Administradora de Condomínios.
Uma das mais tradicionais empresas de Administração de Condomínios de *Belo Horizonte é a:
Contrato Condomínios.
(*Verifique a melhor empresa da sua cidade).

Para você organizar uma apresentação que contenha todos os gastos e investimentos realizados anualmente é um processo que requer alguma preparação.

É importantíssimo a geração dos balancetes mensais da sua gestão a fim de que a prestação de contas do final do ano fique facilitada e mais transparente para os condôminos.

É importante você ter em mente que a reunião onde são apresentados os resultados de um ano inteiro pode ser complicada para todo mundo, quer seja o síndico ou os moradores.

Logo, faça o demonstrativo simplificado para melhor entendimento e um demonstrativo analítico para que os condôminos possam conferir conta por conta com mais tempo.

Nós elaboramos para você algumas orientações para auxiliá-lo na elaboração da prestação de contas do condomínio. Pode ter certeza que, ao final deste artigo, você e todos os moradores estarão satisfeitos com a prestação de contas do seu condomínio.

5 Ítens essenciais na prestação de contas completa do condomínio

prestação de contas de condomínios

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  1. Relatório do Orçamento – Todo aquele orçamento que foi feito no início da sua gestão tem que ser revisado para comparar com o que foi feito durante a sua gestão. É aqui que você analisa o que foi gasto a mais e o que foi possível ser economizado. Quer dizer, você vai perceber a diferença do que foi realmente gasto e o que foi planejado anteriormente.
  2. Relatório de Receitas – Este item é, basicamente, dividido em duas partes: moradores adimplentes e inadimplentes. No caso dos condôminos inadimplentes, você deve acrescer algumas taxas por atraso na taxa de condomínio. Outros valores que entram neste relatório variam bastante, entre eles aluguéis dos espaços do condomínio e eventos. Jamais se esqueça das pastas e dos documentos originais que comprovam os valores apresentados.
  3. Relatório de Despesas– Este item pode ficar mais fácil, caso você faça uma divisão em três contas:
    -Fixas – folhas de pagamento, todos os contratos fixos, seguros, taxas administrativas, etc.
    -Variáveis – manutenção programada ou outras despesas que possuam variações dos valores mensais.
    -Extras – construções ou consertos extraordinários. É muito importante que você já coloque neste relatório os gastos emergenciais, para que você consiga acelerar o planejamento do orçamento da próxima administração.
  4. Balancete – Em um balancete, você encontrará o resumo dos gastos e arrecadações do seu condomínio. Além disso, também encontrará o saldo mensal e o saldo total.
    -Saldo mensal: aqui você irá calcular a diferença entre as despesas e a receita.
    -Saldo atual: o que o seu condomínio possui em caixa. Para saber quanto valor o seu condomínio tem em caixa, você deve apenas somar quanto o condomínio apresentava em caixa no mês anterior com o que possui no mês atual.
  5. Inadimplência – É extremamente importante que você divulgue essa informação de forma clara, pois ela pode trazer polêmicas, divulgue percentuais, valor das cotas, valores por unidades e atitudes adotadas para diminuição do índice.

Organização dos documentos da prestação de contas de condomínios

organização-de-contas-de-condominios

Depois que você aprendeu sobre os documentos que devem estar em sua prestação de contas, é extremamente importante compreender melhor o modo certo de organizar estes dados. Todo condomínio guarda esta documentação em uma pasta.

Nesta pasta você deve colocar todos os documentos citados acima e, também, todos os comprovantes. Seja pela internet ou fisicamente, esta “pasta” não é nada mais que um repositório em que você pode encontrar todos os dados financeiros e documentos do que aconteceu em seu condomínio ao longo de todos os meses do ano.

Como este é um conteúdo bem complexo, o síndico deve deixar claro todas as informações nele contidas. Por isso, você deve dividir os dados de maneira bem organizada, deixando bem claro todas as divisões.

Outra questão fundamental é que você precisa deixar este documento disponível para todos os condôminos. O síndico e todos os membros do conselho possuem prioridade, porém todos os residentes do condomínio podem conferir o conteúdo da pasta.

Uma excelente forma de você organizar adequadamente todas as informações contidas na prestação de contas de condomínios é você criar uma planilha contendo o fluxo de caixa do condomínio.

Desse jeito, todos os meses você vai atualizando as receitas e pode compartilhar estas informações com os moradores do condomínio

Para facilitar a sua organização comece pelo balancete. Logo em seguida você coloca os gastos e os ganhos, e, finalmente, os inadimplentes.

Antes de começar cada passo, faça um resumo de tudo que consta nos registros do referido mês. Dessa forma, você vai facilitar a compreensão de todos que verificarem a pasta.

Preste bastante atenção: os gastos a mais, folhas de pagamento, entre outros documentos precisam constar na pasta dos referidos meses.

4 Dicas gerais de organização do condomínio

dicas condominio

  1. Todos os gastos do condomínio que devem estar separados em uma pasta;
  2. Todos os comprovantes da receita de seu condomínio;
  3. Atualizar todos os meses a planilha com todas os ganhos e perdas do seu condomínio;
  4. Deixar os registros e a planilha com o fluxo de caixa disponível para qualquer morador.

Qual a importante função do Conselho Fiscal com relação à Prestação de Contas?
O Conselho Fiscal foi criado com o intuito de checar todas as despesas feitas no decorrer do ano. Ele é formado por uma fração dos componentes da diretoria. Ele que faz a orientação acerca de todos os recursos utilizados.

Em geral, este conselho se reúne todos os meses para dar uma avaliada na pasta juntamente com o síndico. É muito importante deixar claro que, na prestação de contas de condomínios, a aprovação não é realizada pelo Conselho Fiscal.

Deixe claro para os condôminos, que os membros do Conselho Fiscal podem concordar ou não com o que foi mostrado nos documentos. A função do Conselho Fiscal é de auxiliar e assessorar na resolução dos inconvenientes que se referem ao condomínio.
Qual o modo correto de revelar a Prestação de Contas de um condomínio?
Após entender todos os passos que devem estar presentes na sua prestação de contas, você deve dar um passo à frente.

Mesmo que você tenha todas as informações corretas e completas, se você não as colocar de um modo acessível, você pode deixar muitas dúvidas e, principalmente, maus entendidos. Lembre-se que seguindo este passo a passo, você estará aumentando a sua credibilidade perante os condôminos.

5 Dicas de preparação para reuniões de condomínio

  1. Prepare-se antes da assembleia. Anote as informações mais importantes e as organize de forma que se encontrem disponíveis para os condôminos, caso algum deles fiquem com dúvidas. Tenha em mente que todas as dúvidas deles devem ser resolvidas.
  2. Elabore de forma mais simplificada e clara possível o material que será disponibilizado para os moradores. Lembre-se que a prestação de contas tem diversos dados, então é normal que muitos condôminos não consigam se lembrar de todas as informações transmitidas por você sendo imprescindível ter esses documentos.
  3. Se possível elabore uma apresentação com gráficos pois eles ajudam na compreensão. Use e abuse dos gráficos coloridos, faça a comparação de dados dos anos anteriores com o ano vigente. Esse documento não é obrigatório, porém é muito interessante e demonstra todo o seu interesse na transparência de todas as contas do condomínio.
  4. Sempre deixe claro todas as informações. É interessante separar as informações por classes, como: obras, gastos por mês, eventos, etc.
  5. As informações devem estar disponíveis para todos os condôminos. Caso considere fundamental revelar todos os gastos, inclua nos materiais que você vai entregar no começo da assembleia.
    Informações adicionais para os síndicos iniciantes
    Uma das partes mais importantes é o balancete. Mas, você sabe a diferença entre balancete e a prestação de contas? Descubra agora!

Os dois possuem muitas semelhanças, porém o balancete é um resumo com demonstrativo de todas as receitas, despesas e o fluxo de caixa. Já a prestação de contas de condomínios envolve toda parte financeira e documental sendo um item de entrega obrigatória pelo síndico.

Importante: os condôminos podem requisitar os extratos bancários e NF’s para comprovar todos os dados apresentados.

É muito importante deixar separado todos os documentos para que você consiga organizá-los da melhor forma possível. Se o condomínio tiver um escritório de contabilidade contratado, basta somente entregar os documentos e tudo estará resolvido.

6 Termos contábeis essenciais para prestação de contas de condomínios

  1. Receita: todo o lucro que seu condomínio adquire encaixa-se aqui. Como estamos falando sobre condomínios, podemos incluir aqui as taxas de condomínio, rateios para gastos extraordinários e outras fontes de renda que possam existir.
  2. Gastos: qualquer valor que o condomínio tenha que investir entra neste quesito. Incluindo o pagamento para os funcionários, manutenção dos espaços do condomínio, até aqueles gastos que não eram planejados.
  3. Resultado do Exercício: o valor completo dos lucros subtraído pelo total dos gastos ocorridos ao longo daquela gestão.
  4. Resultado Corrente: é o valor completo dos lucros menos o valor completo dos gastos, não incluindo os gastos e lucros extraordinários. Este resultado é essencial para fazer o planejamento do orçamento do ano seguinte.
  5. Resultado Transitado: são os valores acumulados do ano passado, isto, o somatório do saldo da Conta à Ordem, Conta Poupança Condomínio e Caixa, transitados do Exercício do ano anterior.
  6. Resultados a Transitar: são os valores do ano vigente mais o valor do transitado.

E se as contas não forem aprovadas, como proceder então?
Ainda que, após ordenar e revelar os dados, a sua prestação de contas de condomínios seja reprovada, verifique os pontos essenciais.

Em determinadas situações, é possível resolver a questão da reprovação em uma assembleia. Quando este é o caso, o síndico pode marcar outra data para a assembleia e, enquanto esta data não chega, ele vai apresentar os ajustes necessários.

Se a divergência persistir, então é preciso conferir o que consta na “Convenção do Condomínio”. O que ocorre nestes casos, em geral, deve ser verificado no Conselho Fiscal.

Pode haver uma ação judicial, caso o desentendimento entre o síndico e quem reclamou continue.

Às pessoas que verdadeiramente adoram os livros e a literatura, os livros que elas têm em suas estantes são como uma parte de seu espírito. Todo indivíduo que lê livros possui um ambiente em sua casa para as estantes com seus exemplares. As prateleiras são locais onde os amantes dos livros depositam, zelosamente, sua herança literária.
Nos dias de hoje, essas bonitas estantes de várias cores são empregadas como uma decoração adequada nos interiores das habitações e dos apartamentos. Existem várias formas divertidas de usar os livros e as prateleiras com o propósito de deixar o ambiente da sua residência único e imensamente interessante. Se por um lado você terá uma nova ornamentação na parede, em contrapartida, você vai ter um espaço onde pôr seus livros.
Veja as dicas abaixo e ache uma inspiração para a decoração primorosa de sua residência usando suas estantes e livros.

Estante de arco-íris

Essa é uma maneira muito interessante e colorida de fazer uma ornamentação única no interior da sua residência. Selecione seus livros separadamente pela cor, ajeite os livros pelas cores e ponha cada uma delas na prateleira de maneira que você possa produzir um “arco-íris”. O resultado irá ser estupendo e dará uma aura resplandecente e leve em sua sala. Para o projeto, você precisará de inúmeros livros ou, provavelmente, de prateleiras menores. Você sempre pode ligar determinados detalhes como quadros, tochas e outras decorações para acomodar o lugar.

Estante no formato de árvore

decoracao-com-livros Para esse projeto, tudo o que você tem necessidade é possuir uma prateleira de vidro, tinta para parede e aptidões artísticas. Em sua parede, você deve pintar uma árvore e,portanto, você deve pôr as estantes na árvore. O efeito é maravilhoso e mágico e, sem dúvida, fornecerá outro aspecto para toda a ornamentação. Isto oferecerá um espírito natural ao interior e isso vai trazer cor para o interior da sua casa. É ótimo para espaços sem vida.

Prateleira de parede

Para os indivíduos que têm inúmeros livros, uma pequena estante de livros não é uma boa idealização. A mais adequada alternativa para você é montar uma parede de estantes de livros. Selecione uma das paredes da sua casa, em que você vai fazer uma ornamentação diferente, com prateleiras geométricas. Essa é uma ideia muito interessante de como mudar sua parede sem graça em um ambiente colorido.

Estantes de suspensão

Muitos comerciantes estão buscando comercializar os melhores e mais interessantes produtos e essas prateleiras são uma delas. Estas estantes de suspensão são tão incríveis e tão únicas que vão dar um visual interessante ao interior da sua habitação. Coloque seus livros nesta estante e todos que as virem perguntarão como você ergueu seus livros.

Estantes dimensionais

decoracao-com-livros As estantes dimensionais caóticas são uma forma bastante interessante e moderna de efetuar uma decoração caseira. Toda a ornamentação da parede irá parecer como um céu com muitas dimensões. Ela irá transformar seu quarto em um lugar inovador, contudo inclusive é uma boa ideia para uma sala. Uma parede clara e uniforme vai passar a ser uma parede bem mais colorida e encantadora.

Você tinha noção que sua moradia tem um aroma único? Pode variar desde um cheiro suave e fresco, até um tipo de aroma de bolor, velho e úmido, mas você está acostumado a este cheiro e, assim, nem sequer o identifica! Você está exausto de comprar aromatizadores caros, entretanto de pouquíssima duração para sua casa? Você tinha noção que os produtos adquiridos no comércio somente contribuem para a carga tóxica presente em nossas casas? Há um modo de preencher sua residência com aromas agradáveis, naturais, sem as toxinas dos purificadores de ar de tomada. Um aroma simples, feito por você mesmo, sem gastar muito e maravilhosamente delicioso.

Aromatizador de ambiente desenvolvido com óleos naturais

purificador-de-ar A chave para estes maravilhosos purificadores de ar são os óleos naturais e a melhor parte é que você é capaz de personalizar qualquer um deles. Você vai precisar de jarros à prova de calor, quatro pacotes de gelatina instantânea sem sabor, corantes de alimentos, sal e óleos essenciais ou perfumes de sua escolha. Apronte os frascos inserindo 30 gotas de óleo natural e 3-4 gotas de colorante. Ferver a gelatina e acrescer um copo de água fria e uma colher de sopa de sal. Continue mexendo até dissolver o sal e logo após coloque em seus frascos preparados. Deixe repousar no decorrer da noite até que o gel encontre-se mais rígido.

Difusor de ar da Natureza

Os difusores embalsamam o ar, porém na grande parte das ocasiões eles não são fabricados com elementos naturais e, também, são caros. Você necessitará de uma garrafa de difusor, óleos essenciais (por exemplo, lavanda, alecrim, eucalipto), juncos ou palitos de bambu, vodka e água. Preencha a garrafa do difusor de junco com água, inclua certas colheres de sopa de vodca e um óleo natural a seu gosto. Mergulhe os palitos e, em seguida, vire, rode os palitos por semana.

Aromas de sala naturais

aromas-naturais Esses cheiros de sala natural formidavelmente balsâmicos podem ser feitos no fogão. Utilize uma fragrância que combine com sua residência. Exemplo de perfume: laranjas, canelas e cravos-da-índia (pimenta da Jamaica e anis não são obrigatórios). Agrupe os ingredientes em uma panela no fogão, leve-os a uma fervura e, posteriormente, diminua o fogo para cozer. Você notará instantaneamente o aroma que se dispersou na sua cozinha e outros quartos.

Pot-pourri de frutas

Pot-pourris são capazes de dar-lhe aromas incríveis e são capazes de ser usados como uma decoração em sua casa. Coloque em um receptáculo: fatias finas de laranjas e maçãs desidratadas, 2 potes de canela, 1 frasco de folhas de louro, 1 frasco de cravo inteiro, meio jarro de alecrim seco. Se você não conta com um desidratador, bote os produtos em uma assadeira deixando espaço entre eles. Ajuste o forno para 200 graus. Deixe no forno até permanecer totalmente seco.

Você habita em uma residência ou em um apartamento pequenino? Você está procurando ideias para armazenar suas coisas de maneira que economize sua área, entretanto que inclusive agregue valor ao seu espaço? Confira nossas 5 sugestões de armazenamento que gerenciam melhor o espaço acessível em casas e apartamentos pequeninos, valorizando todas as partes da sua casa.

Adicione suportes sobre as portas

Acrescentar prateleiras em toda a sua residência ou apartamento pode parecer uma ideia de armazenamento óbvia, contudo aprender onde inserir não é tão óbvio. Primeiro, perceba em cima de suas portas. Muitas vezes há determinados lugares para trabalhar e estas são áreas que são comumente vazias. E embora o seu apê seja de alguns poucos metros quadrados, possivelmente tem pelo menos 2 ou 3 portas que são capazes de se tornar espaços de armazenamento. KEYWORD

De que modo usar prateleiras em cima das portas

Em sua cozinha: exiba produtos de vidro e porcelana que retratam sua marca singular.
Na sua sala de estar: coloque obras literárias ou itens sazonais, como ornamentações natalinas.
Em seu quarto: ponha cestas nas estantes para colocar inúmeros tipos de objetos.
Na seu banheiro: guarde toalhas, utensílios de limpeza pessoal e qualquer tipo de fornecimentos de banheiro.

Incluir prateleiras e ganchos atrás das portas

Examinando além dos usos comuns de uma porta, ela pode se tornar um eixo de armazenagem que obtém espaço. O tamanho médio de uma porta permite estender todos os tipos de objetos usados com frequência por toda sua residência.

Como desfrutar os espaços detrás das portas

Na sua cozinha: as portas da despensa são capazes de manter pacotes de alimentos e sacolas de plástico.
Em seu quarto: dependure roupas com o intuito de facilitar o acesso e para ganhar espaço adicional no seu guarda-roupa. KEYWORD
No seu banheiro: Bote as toalhas para enxugar ou coloque cestas para armazenar suprimentos para o banheiro.

Armazenar itens acima dos armários

Cogitando que seus armários não podem chegar até o teto, todo espaço não utilizado por cima deles é uma chance perdida de armazenagem que arranjaria espaço. Em certas ocasiões, os armários da cozinha e do banheiro têm alguns centímetros de espaço sobre eles, o que gera uma prateleira natural apropriado para manter utensílios. Além deste espaço ser funcional para vários apartamentos e casas pequenas, inclusive possibilita que você decore cada local segundo seu gosto.

De que modo usar o espaço sobre os gabinetes

Na sua cozinha: inclua placas decorativas para completar sua cozinha.
Em seu banheiro: amontoe toalhas por cima dos armários ou adicione cestas para itens raramente utilizados.

Crie áreas para exibir seus objetos

Muitos utensílios domésticos não necessitam ser guardados atrás das portas e armários, dessa forma, o armazenamento não deve ser imaginado como uma forma de esconder itens. Estantes abertas, caixotes de madeira velhos, racks suspensos e uma longa lista de outras maneiras de armazenamento podem ser eficientes como áreas de exposição. Evidencie as obras de arte do seu filho ou sua coleção de obras literárias. Não deixe que eles juntem poeira na parte traseira de qualquer armário. KEYWORD

Como criar áreas para exibir itens

Em sua cozinha: use qualquer superfície plana para exibir obras de arte ou armazenar pequeninos utensílios de cozinha.
Na sua sala de estar: Guarde objetos que revelam suas preferências e coisas pessoais.
No seu quarto: exponha uma coleção de figuras ou objetos que evidenciem seu lado imaginativo.
No seu banheiro: Acresça memórias particulares, plantas ou crie uma exibição de utensílios de banheiro deslumbrantes.

Utilize todas as paredes

As paredes apresentam a maior possibilidade de armazenagem e de economia de espaço, mesmo nos menores apartamentos e residências. Afinal, você tem, ao menos, quatro deles. Instalar armários ou prateleiras é capaz de maximizar seu espaço em corredores ou salas. Armazenar objetos de forma vertical irá liberar o chão e fazer o seu espaço parecer maior.

De que maneira usar as paredes

Na sua cozinha: bote potes e panelas frequentemente usados em cima do fogão ou pia para simplificar o acesso.
Em sua sala de estar: instale prateleiras para arrumar livros e memórias pessoais.
Em seu quarto: use o espaço sobre seu leito com finalidade de armazenar utensílios variados.
Em seu banheiro: Pendure cestas a fim de colocar artigos de limpeza pessoal e suprimentos médicos.

Basta você decidir aquecer o espaguete que restou do almoço para comer a massa saborosa no jantar para transformar o seu micro-ondas em uma autêntica baderna. A sujeira se alastra por todos os lados do micro-ondas e você crê que limpar o utensílio irá dar mais trabalho do que fazer outra refeição. Contudo, se você evitar a limpeza desse equipamento, porque você presume que requer muito mais trabalho do que você é capaz de reunir, temos ótimas notícias: limpar a sujeira do micro-ondas é mais fácil do que você deduz. Veja as sugestões que ajudarão você a solucionar o inconveniente.

Retire alimentos grudados e vazados no interior do micro-ondas

micro-ondas-sujo-veja-como-limpa-lo Ponha uma vasilha apropriada para micro-ondas com uma xícara de água e um limão partido (limão ou laranja) e muitas colheres de sopa de vinagre dentro do seu dispositivo. Ligue o micro-ondas por alguns minutos (ou até a mistura ebulir e a água encontrar-se fumegante). Deixe resfriar por quinze minutos antes de abrir a porta, a seguir tire a vasilha e higienize o interior com um pano.

Limpe a porta oleosa

Limpe a junção emborrachada em volta de toda porta com uma bucha úmida somente com água. Se o vidro da porta estiver bastante engordurado, higienize com uma mistura feita com meia medida de vinagre e meia de água e em seguida enxugue. Você inclusive é capaz de limpar o seu micro-ondas com o seu produto de higiene preferido. Você pode eleger os produtos multiuso de cozinha que têm álcool na fórmula. Desta maneira, você garante que o vidro enxugue de forma extremamente veloz e não fique fosco.

Faça a limpeza da parte de fora

micro-ondas-sujo-veja-como-limpa-lo Essa é outra parte do micro-ondas na qual você deve usar seu limpador multifuncional preferido. Certifique-se de borrifar o produto em um tecido ou bucha e não de modo direto no aparelho, ou você pode avariar o equipamento já que o utensílio de limpeza pode, sem querer, entrar nos buraquinhos de ventilação. Utilize o pano com o produto para higienizar a poeira e o óleo de cozinha que de modo geral gruda nos aparelhos eletrônicos. Em seguida, com um tecido úmido, remova o produto e, em seguida, passe um tecido seco para dar o toque final.

Limpe as impurezas mais difíceis

Opte por um produto de limpeza profunda de cozinha caso seu micro-ondas esteja muito sujo. Desengordurantes vão auxiliar a retirar totalmente a impureza agarrada no equipamento por muito tempo. Lembre-se sempre de retirar o produto com um tecido umedecido com água e, depois, passar um pano enxuto. Você é capaz de lavar a grande parcela das peças que são soltas, como o prato girante, na lava-louças ou na pia, com água e sabão. Somente assegure-se de ler o manual de seu fabricante antes de começar a limpeza.

Limpe o micro-ondas com mais assiduidade

micro-ondas-sujo-veja-como-limpa-lo Caso tenha vontade de tornar a sua prática de limpeza mais simples da próxima vez, o sugerido é limpar o seu aparelho a cada 2 dias, dependendo da frequência com que usa o micro-ondas e, obviamente, logo após alguma coisa vazar no interior do aparelho. Deste jeito os pedaços de alimentos não agarram no interior dele. Você irá agradecer depois.

A torradeira vez ou outra pode ser menosprezada na limpeza da cozinha, contudo sem dúvida deve ser limpa frequentemente. As farelagens de pão se aglomeram em uma torradeira com o passar do tempo, então você deve periodicamente limpar bem a torradeira a fim de que ela funcione satisfatoriamente. Para limpar uma torradeira, tire a bandeja de migalhas da parte de baixo e comece por aí a limpeza. Posteriormente, lave o interior e o exterior. No momento que terminar, sua torradeira irá estar limpa e pronta para ser ligada.

Limpando a bandeja de migalhas

saiba-limpar-perfeitamente-sua-torradeira Desconecte a torradeira da energia e se dirija para um lugar vasto para começar a limpeza. É essencial desconectar a torradeira antes de iniciar a limpeza com a finalidade de evitar choque elétrico. Depois de desconectar sua torradeira, carregue o aparelho para uma ampla superfície plana, como uma mesinha ou balcão. Coloque algumas folhas de jornal debaixo da peça para descomplicar a remoção das migalhas.

Remova a bandeja de migalhas

A maioria das torradeiras tem uma bandeja deslocável na parte de baixo. Você é capaz de deslizar tranquilamente a bacia de migalhas. Se não conseguir, saiba como tirar a bacia examinando seu manual de instruções.
Depois de tirar a bacia de migalhas, vire o equipamento de cabeça para baixo e bata para expelir os farelos, poeira e restos de pão. Você pode agitar a bacia de farelos no jornal que você colocou sob a torradeira. Apesar disso, pode ser mais simples balançar sobre lixo para acabar com os farelos de imediato.

Limpe a bandeja de farelos com água não muito quente e com sabonete

Limpe a bacia de farelos sobre a pia usando água não muito quente e sabonete líquido suave. Limpe a bacia de natureza igual que você lava qualquer outro prato. Deixe a peça completamente limpa, remova qualquer migalha presa ou sujeira e, em seguida, coloque a bacia para secar.

Limpe uma bacia de migalhas não removível

Se a sua torradeira não tiver uma bandeja removível, gire a peça de cabeça para baixo. Agite suavemente em cima do jornal ou o lixo muitas vezes. Isto provavelmente limpará a grande parte das migalhas soltas.

Limpando as demais partes da torradeira

Remova as migalhas de dentro, para tal fim use pincel ou escova de dentes limpos nos fios de dentro da torradeira. Passe o palito ou escova no mesmo rumo em que os fios correm. Em geral, é uma ótima ideia girar a torradeira de cabeça para baixo e agitar outra vez com o objetivo de retirar farelos soltos de dentro do aparelho.

Limpe a resistência de dentro

Umidifique sua escova de dentes com um pouco de vinagre e friccione a resistência para limpar, retirando qualquer migalha, imundície e detritos presos. Só umidifique a sua escova dental com vinagre. Uma escova de dentes molhada tem probabilidade de ocasionar poças na parte inferior da torradeira e avariar o aparelho.

Limpe o exterior da torradeira

Umedeça um tecido umedecido com vinagre. Utilize esse tecido para limpar os lados da torradeira. Para manchas efetivamente complicadas, use um tanto de bicarbonato de sódio e friccione delicadamente. Utilize uma bucha aveludada ou um tecido de limpeza na parte de fora do aparelho a fim de evitar riscados.

Limpe a torradeira uma vez por mês

Em média de uma vez por mês, limpe sua torradeira com todo cuidado. Faça isto limpando a bacia de farelos e, em seguida, limpando o interior e o exterior com vinagre. Isso evitará que sua torradeira agarre migalhas e outros restos.

Esvazie a bacia de migalhas semanalmente

Semanalmente, remova a bandeja de farelos e agite sobre o lixo. Se você não tiver uma bandeja móvel, vire a torradeira de cabeça para baixo sobre o lixo.

Limpe a parte de fora da torradeira frequentemente

A cada dia, no momento em que você realizar a limpeza habitual na cozinha, não negligencie sua torradeira. Limpe a torradeira com um tecido molhado ou um tecido úmido com vinagre. Isto irá evitar que muita sujeira e pó se acumulem na parte de fora do aparelho.